sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Perdeu-se no sonho.


Diz-me que ainda estás aí
Em algum lugar,
Escondido de mim
Que seja...
Seja assim
Mas esteja aí (aqui)
Pois aonde me encontro
Não tem inspiração
E a força que me resta
Só apaga minha faísca.
Então...
Acorda desse sono e vem viver no meu amanhecer.



na foto: euered (fundidos)

Nenhum comentário: